Dermatoscopia Digital Computorizada e Mapeamento de Sinais

O QUE É A DERMATOSCOPIA DIGITAL?

dermatologia digital

Dermatoscopia Digital é uma técnica que permite estabelecer um diagnóstico mais preciso das lesões pigmentadas da pele, utilizando um aparelho chamado dermatoscópio, que aumenta 20 a 70 vezes o tamanho da imagem da lesão. O dermatoscópio é constituído por lentes especiais que emitem luz polarizada conectada através de fibras ópticas a uma câmara digital. As imagens, geradas por epiluminescência, são analisadas pormenorizadamente. O exame é realizado com a utilização dos aparelhos «MoleMax II® ou Fotofinder».

É um exame não-invasivo que permite a visualização de estruturas internas da pele sem nenhum traumatismo. Avalia lesões pigmentadas, definindo a sua natureza, distinguindo-as como lesões benignas, suspeitas ou altamente suspeitas de malignidade.

Facilita a detecção precoce e atempada de melanoma e perrnite a triagem do que deve ser removido cirurgicamente.

No exame são realizadas fotos de toda a superfície corporal do paciente (Mapeamento Corporal) e dermatoscopia digital das lesões pigmentadas. Dessa forma, todas as lesões são minuciosamente avaliadas.

As imagens são armazenadas para poderem ser reavaliadas e comparadas no futuro, em observação sequencial, para detecção de mudanças subtis e não detectáveis a olho nu.

É um exame complementar que requer experiência específica do dermatologista, cujo objectivo é acrescentar mais precisão ao exame dermatológico.